segunda-feira, 7 de março de 2011

Hoje em dia .


Hoje me perco em qualquer canto
Em formosos e feios sonhos
Hoje me acondiciono em qualquer canção
Sou grácil e deserto
Agatanhado de fatal beleza
Que o dia não mais clareia
E as ondas não quebram no mar.

Hoje meus dias são alheios
Dia impar, é cinza
E é tão travoso o dia par

Hoje navego em meu mundo
Que é todo meu espaço
Do meu tempo de imaginar.

Sou tranqüilo pela lembrança,
Lembrança que me faz sonhar
Hoje sou eu, eu e o desgosto
Que às vezes pesa e tão devasta
E às vezes só me faz versar

Gustavo Sinder

18 comentários:

  1. Hoje és pedra polida pelo gosto amargo de amar...Beijos achocolatados

    ResponderExcluir
  2. Hoje nos perdemos quando mais queremos se encontrar. Ocultamos quando mais estamos a mostra e tudo parece opaco aos nossos desejos e lembranças.
    Belo poema. Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Hoje estamos mais lapidados que ontem
    Lindo poema
    Um bj querido amigo

    ResponderExcluir
  4. Temos todo tempo e espaço do mundo, mas só sabemos valorizá-los, quando somos privados, de ambos.

    É sutil e expressivamente belo, gostei!

    ResponderExcluir
  5. Olá poeta,

    Como vc costuma me dizer: gostei de ler-te.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Ate a tristeza tem um lado bom.....nos inspira..
    Beijos querido.

    ResponderExcluir
  7. Graaaabde Gustavo, parabéns pelo blog, gosto de ver você bombando aki e animado atualizando!!!

    ResponderExcluir
  8. Bom dia poeta,

    Q o amor possa vir logo ao seu encontro para q vc possa sentir a beleza de um simples amanhecer.


    mil beijos!

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela veia poética...!! Gostei muito de suas poesias.

    Beijos e ficaria feliz se também me seguisse.

    ResponderExcluir
  10. Soube como poucos construir um mundo loquaz, parabéns poeta, te seguindo viu? POESIA EM FOCO e TROVANDO esses são meus blog"s.

    ResponderExcluir
  11. Desgosto amargo e companheiro, como sombra que não nos larga. Sim, hoje sou eu e o desgosto, o desgosto e eu. E às vezes penso que nos fundimos num só...

    Belíssimo como sempre! Admiro-te!

    http://escrevoparaviver.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Gustavo,
    Parabéns a você, poeta" Lindo seu trabalho e o blog muito legal. Voltarei com mais tempo. Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Beijo prá vc e um fds cheinho de alegrias!

    ResponderExcluir
  14. Quer ir a uma festa?
    Tem um convite pra lá de especial no trocando idéias, conto com a presença de todos!
    E não aceito desculpas!!
    Então vamos ver o convite?

    ResponderExcluir
  15. Olá!! Adorei seus escritos. Voltarei. Beijos

    ResponderExcluir

Mengoooooooo

Mengoooooooo
Ser Flamengo é ser humano e ser inteiro e forte na capacidade de querer. É ter certezas, vontade, garra e disposição. É paixão com alegria, alma com fome de gol e vontade com definição. Artur da Távola